Impacto da má higiene bucal na sua saúde

Falta de higiene bucal pode agravar doenças crônicas

Além de acarretar doenças periodontais (gengivas e suporte ósseo) e cáries, com possibilidade de evoluir para problemas endodônticos (canal), a falta de higiene bucal pode agravar as doenças crônicaspreexistentes, como diabetes, em decorrência dos focos de infecção na boca.

Os pacientes diabéticos,  devem estar a doença controlada quando são realizados procedimentos odontológicos que envolvam sangramento, cirurgias e raspagens profundas, pois a cicatrização de pacientes nesta condição é bastante deficitária.

Ainda no caso do diabetes, o processo inflamatório gerado por problemas bucais dificulta a absorção de insulina, aumentando a resistência insulínica dos pacientes diabéticos. “Dessa forma, haverá uma maior descompensação glicêmica por parte desses pacientes”, explica Dr. José Henrique de Oliveira, cirurgião dentista e Diretor de Operações aqui do INPAO Dental.

Mas existem outras doenças crônicas que demandam cuidados especiais quando se vai ao dentista. Ahipertensão e os problemas cardíacos também precisam estar sob controle quando o paciente começa um tratamento dentário, já que o anestésico utilizado deverá ser sem vasoconstritor, que é um medicamento que diminui o calibre dos vasos por meio da contração de suas fibras musculares.

As bactérias e outros germes decorrentes de infecções bucais percorrem a corrente sanguínea e podem se alojar no coração. Estudos indicam, inclusive, que artérias entupidas (aterosclerose) e o acidente vascular cerebral (AVC) estão ligados a inflamações decorrentes de bactérias bucais. Assim, pacientes com gengiviteou doença periodontal correm mais risco de desenvolver doença cardíaca.

O diretor do INPAO Dental ressalta ainda que, em procedimentos odontológicos que envolvem sangramento, deve ser feita a ‘antibiótico-terapia profilática’, evitando-se uma endocardite bacteriana, ou seja, uma infecção do revestimento interno do coração.

Por isso, antes de iniciar qualquer tratamento dentário, converse com seu dentista sobre qualquer doença preexistente que você possa ter. Assim, você garante o tratamento mais adequado e seguro, preserva seu bem-estar e sua qualidade de vida.

Fique atento aos sinais da doença periodontal:

  • Gengiva vermelha, inchada ou dolorida;
  • Gengiva que sangra ao comer, escovar os dentes ou usar o fio dental;
  • Pus ou outros sinais de infecção em volta da gengiva e dos dentes;
  • Sua gengiva parecer estar se afastando dos dentes;
  • Você sente mau hálito ou gosto ruim na boca;
  • Percebe que algum dente está mole ou se afastando dos outros dentes.

Veja uma lista de erros que você pode estar cometendo, que influencia na sua saúde bucal.

Agora que você já sabe que a falta de higiene bucal pode agravar doenças crônicas, lembre-se de visitar um dentista regularmente, pois a nossa saúde entra pela boca.

Caso ainda não tenha uma plano odontológico, acesse aqui, para mais detalhes do INPAO DENTAL.

Além de acarretar doenças periodontais (gengivas e suporte ósseo) e cáries, com possibilidade de evoluir para problemas endodônticos (canal), a falta de higiene bucal pode agravar as doenças crônicaspreexistentes, como diabetes, em decorrência dos focos de infecção na boca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *